• OlhandoaCidade

    Santíssima Trindade

    Ontem acordei muito interessado no assunto “percepção temporal”, um assunto incrível do campo da psicologia e neurociência. A experiência subjetiva da percepção do tempo, do nosso tempo, anda muito bagunçada. Todos reclamam de uma percepção acelerada. Tenho experiências próprias que me convencem de que esta percepção pode ser alterada e estudando sobre o assunto, li que uma das coisas que interferem nisto é “novidade”. Olhar a cidade, ver coisas diferentes todos os dias, enchem a nossa atenção e esta quantidade de informações novas é o que a teoria diz serem capazes de estender a nossa percepção do tempo, desacelerando-o. Bem, eu já gostava de olhar a cidade, agora vou olhar…

  • OlhandoaCidade

    Personagens misteriosos!

    Hoje foi dia de visitar imóveis com a minha mãe, ela pretende mudar-se. Servindo de motorista e conselheiro, não muito bom nas duas funções, fomos ver umas casas aqui por perto, que ela já havia selecionado anteriormente. Uma delas, no aprazível bairro de Vila Isabel, é localizada em frente a uma pracinha. Como sempre, em praças cariocas, uma certa falta de cuidado, mas ainda assim bem bacana. Bucólica, sem muita gente, talvez pela pandemia. No centro da praça um monumento com 5 personagens. Como as placas de identificação foram todas roubadas, ficamos eu e minha irmã chutando quem seriam os personagens homenageados. Não acertamos nenhum!!! Quem seriam estes senhores? Sambistas…

  • OlhandoaCidade

    Almoço na Praia Vermelha

    Hoje levei a cambada para almoçar em um dos lugares mais bonitos, simbólicos e sossegados da cidade, O Terra Brasilis, no círculo Militar da Praia Vermelha. Poucos sabem, mas o Pão de Açúcar era uma ilha, separada do Morro Cara de Cão. Vejam na imagem abaixo, ao centro, o Pão de Açúcar na entrada da Baía da Guanabara, representada como um Rio. Era a Ilha da Trindade, até que entre 1659 e 1660, o Governador Salvador Correia de Sá e Benevides aterrou a nesguinha, criando a Praia Vermelha. Nesta imagem abaixo fica mais fácil entender o terreno que foi aterrado para juntar a ilha ao continente. É incrível pensar que…

  • OlhandoaCidade

    Villa Aymoré

    Em um lindo dia de sol, fresco e com o céu completamente azul, resolvi almoçar sozinho na Taberna da Glória. No início dos anos de 1980, morei na Glória e tenho um lembrança muito boa do lugar. Parei a Vespa ali na subida do Outeiro e entreguei-me a observação do local. Como é bonito e agradável. Em frente ao Palácio São Joaquim, onde o Papa discursou e onde mora atualmente meu amigo Dom Tiago. Quando morei ao lado, o palácio estava bem abandonado, hoje está pimpão. Novamente veio uma sensação de desperdício da história e visuais desta cidade que de fato tem motivos para ser chamada de maravilhosa. Ao sair…

  • OlhandoaCidade

    Igreja de São Joaquim

    Neste sábado fui convocado de surpresa por um grande amigo para ajudar em uma tarefa lá no Bairro do Cachambi. Vale um passeio cuidadoso por lá, muitas olhadas bacanas devem existir na área. No caminho de volta, passamos pela Igreja e Paróquia de São Joaquim. Incrível, incontáveis vezes passei por ali e nunca vi esta igreja em estilo neogótico que começou a ser plantada ali no Estácio desde 1904! Fui dar uma pesquisada e é importante não confundi-la com a antiga Igreja de São Joaquim, esta de 1758 que ficava localizada na esquina com as atuais Avenida Passos e Rua Marechal Floriano. Esta que vimos é a “nova” Igreja de…

EnglishFrançaisItalianoPortuguêsEspañol